Solidariedade

Por Isadora Bruzzi e Paula Peçanha

O curso de Jornalismo da Universidade Federal de Ouro Preto realizou a IV Semana de Comunicação nos dias 13 a 15 de março deste ano, com o tema “Narrativa e construção do herói“. No segundo dia, o evento contou com a presença do jornalista Leandro Fortes, que expôs com suas palavras que o jornalismo não é uma competição, e sim um ato de solidariedade.

Sendo assim, podemos associar a profissão como uma boa ação que o jornalista deve se dispôr a praticar para atender seu público, que merece informações que sejam de interesse público e atendam seus interesses. Assim como a notícia, uma prática de boa ação não precisa se tornar uma competição; ninguém é melhor do que o outro, podemos ser bons com os outros e isso pode trazer um retorno benéfico para quem pratica.

Pensando na Páscoa que se aproxima, podemos parar para refletir o quanto um pequeno gesto pode levar felicidade a muitas crianças, por exemplo. Doações de ovos de chocolate podem parecer coisa pequena, que não muda a vida de ninguém. Mas, muitas vezes, crianças com famílias que não têm condições de comprar os famosos chocolates nesta época, quando recebem de outras pessoas o presente, sentem uma felicidade extrema, que reconhecemos talvez somente nos pequenos atos.

Pensando nisso, a Generous Store surgiu com uma proposta de espalhar a generosidade. Para levar chocolates diretamente da Dinamarca, você só precisava colocar um sorriso no rosto de alguém de maneira generosa e criativa. Mas, para que essas promessas sejam honradas, os vendedores da lojas fizeram as pessoas postarem nas suas timelines do Facebook o que farão e para quem.

Solidariedade em rede

As redes sociais também movem pessoas que se dispõem a ajudar o outro. O projeto “Fazer o bem para quem só precisa de um sorriso e um abraço” mostra, através do Facebook, doações e contribuições que foram feitas para a Páscoa Solidária. A ação é promovida por pessoas engajadas que desejam levar alegria para os outros na Páscoa, e não tem nenhum vínculo institucional.

A chegada do feriado é uma boa época para refletirmos como os atos de solidariedade, seja uma informação de relevância pública, seja uma doação, podem modificar a vida de outras pessoas. Praticar uma boa ação não é difícil, não custa nada e faz bem para quem pratica e quem recebe.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: