O conhecimento e a privatização

Lídia Ferreira e Tamires Duarte

wordle_cap_2Você acha que o conteúdo da internet tem que ser livre? Quem é o dono de tudo que existe nela? Existe um dono? As respostas para essas e muitas outras perguntas serão desenvolvidas na pauta “A quem pertence o conhecimento da web?”.

O mote para a escolha do tema foi o suicídio do jovem programador Aaron Swartz, em 11 de janeiro de 2013. Ele foi acusado pela justiça americana de baixar e liberar ‘ilegalmente’ 4,8 milhões de artigos acadêmicos do banco de dados JSTOR, cujo acesso é pago por universidades e instituições do mundo inteiro.

Para tal, ele utilizou a rede de computadores do Massachusetts Institute of Technology – MIT. Com isso, foi processado e, caso tivesse sido comprovada sua ‘culpa’, pegaria até 35 anos de prisão e multa de US$1 milhão.

O uso das aspas é exatamente o começo da nossa abordagem: o que ele fez, vale ressaltar, não era ilegal. Por que então ele foi acusado? Por que pessoas restritas tem acesso a determinados conteúdos?  O que propomos é uma análise da privatização do conhecimento na internet.

Anúncios

  1. Sugiro os livros “A arte de Invadir” e “Bastidores do Wikileaks” , ótima pauta!

  2. Pingback: Que Marcas você está Consumindo nesta Páscoa? | Antes do fim

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: